Ingryd Fraga

"Que o teu afeto me afetou é fato, agora faça-me um favor…"

Não gostar de alguém que nunca beijei foi uma promessa. Aliás, inúmeras foram as vezes em que eu achei que nunca mais me apaixonaria por alguém, ainda mais por esses que podem ser tachados de cafajestes por já terem beijado a escola inteira ou a cidade inteira. Mas meu coração te escolheu. Gostaria que fosse uma coisa branda, mas não é. Ando com tanto medo de gostar (de)mais, de te encantar também e nada passar de um beijo ou de algumas semanas. Eu agora tenho medo de tudo, medo de ser enganada e deixar de amar também. Se eu não fosse tão intensa e tão ingênua, as coisas andariam de um jeito melhor. Mas eu me entrego tanto que só me resta ter cautela, apesar de não saber como ter. Eu não sei nem te ter. Por mim você não sairia do meu lado hoje. Aquilo foi um beijo, quando você foi embora? Estou tentando decifrar qual foi nossa despedida. Quero acreditar que foi um beijo, ou a tentativa de um. Só sei que a minha tentativa é tentar não te amar e nem me entregar, pois é muito ruim gostar de alguém que não poderá me completar ou me dar assistência. Mas puta que pariu, como a gente combina. Queremos ser mercante, seus amigos são meus amigos etc e tal. Casa comigo, seremos felizes para sempre. Eu mereço o seu amor, mereço o seu carinho, mereço o seu afeto. Sinto tanta saudade de ti depois que viramos as costas. Gostaria tanto que você sentasse do meu lado e não saísse dali nem na hora de ir embora. É, eu te desejo 24h por dia e quando vamos embora me dá vontade de chorar muito e muito. Nunca fomos no fundo um do outro, mal passamos de um beijo, nunca encostei na tua língua e nem cheguei no teu coração, mas por que dói tanto? E o que explica esses calafrios e essa minha tolice quando você chega mais perto? Que burra que eu sou, eu não podia ter deixado isso acontecer. É um estado meio estranho que eu entro, tento agir normalmente enquanto o meu coração está a mil e as palavras tropeçam na minha boca, eu fico toda bobinha e me acho a pior pessoa do mundo tentando ser a melhor. É uma droga querer agradar. Bem que você podia me notar, me enxergar, me querer, demonstrar, sei lá, qualquer coisa que pudesse nos fazer dar um passo a frente ou qualquer outra coisa que me faça acordar, que nunca teremos nada, que não há chance. Me dá um sinal, uma resposta, sei lá, qualquer coisa, mas qualquer resposta concreta que acalme o meu coração, porque eu não mereço gostar e me doar desse jeito se tanto já sofri na mão de filho da puta por causa dessa merda chamada amor. Eu queria ser feliz uma vez, qualquer dia desses, com alguém que me faça bem, com alguém que me abrace e me faça esquecer do resto do mundo, e acorda, esse alguém é você. As pessoas mandam a gente se apaixonar por quem sorria para nós de um jeito amoroso, por quem pegue na nossa mão quando estamos com medo, por quem nos abrace quando achamos que tudo está errado, por quem dê um sinal de vida toda hora, por quem te dê atenção… e eu, sempre diferente ou sei lá o que, resolvi me apaixonar por quem implica comigo e não sabe o que quer comigo ou até sabe, mas não é nada do que eu quero. Eu me apaixono apenas por quem me faz bem, não precisa ser o principezinho que todo mundo quer, só tem que me fazer bem. Mas aí vem você implicando, me maltratando, debochando de mim quando eu falo sério achando que eu estou brincando, soltando um "awn" quando eu digo que me magoo com essas suas brutalidades. Meu amor, você é inseguro ou não quer nada com nada mesmo? Quero ser o seu amor, quero que você seja o meu. Querer é muito fácil, faça acontecer, nós merecemos, nos merecemos. Somos lindos, temos o mesmo foco e juntos podemos mais com toda a certeza. Bem que gostar poderia ser fácil…

http://ingrydfraga.blogspot.com.br/

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s