Caio F.

“No fim destes dias encontrar você que me sorri,
que me abre os braços, que me abençoa e
passa a mão na minha cara marcada,
na minha cabeça confusa,
que me olha no olho e me permite mergulhar
no fundo quente da curva do teu ombro.
Mergulho no cheiro que não defino,
você me embala dentro dos seus braços
e você me beija e você me aperta
e você me aquieta repetindo
que está tudo bem, tudo, tudo bem…”

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s